16 de setembro de 2021 às 18h22

Mercado do boi gordo opera de forma lenta e preços seguem em queda

O mercado físico de boi gordo registrou preços mais baixos na maioria das regiões de produção e comercialização nesta quinta-feira, 16. Segundo o analista da Safras & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, a ausência da China no mercado gera uma série de instabilidades, a começar pelo remanejamento das escalas de abate por parte dos frigoríficos exportadores.

Segundo o analista, “o retorno da China às compras é um fator necessário para que o fluxo de negócios se aproxime de sua normalidade, o que não acontecerá de maneira imediata”, apontou Iglesias.

Com isso, em São Paulo, Capital, a referência para a arroba do boi ficou em R$ 304 na modalidade à prazo, estável. Em Goiânia (GO), a arroba teve preço de R$ 285, estável. Em Dourados (MS), a arroba foi indicada em R$ 302, contra R$ 304. Em Cuiabá, a arroba ficou indicada em R$ 285, contra R$ 290. Em Uberaba, Minas Gerais, preços a R$ 304.

Atacado

A carne bovina segue com preços acomodados no mercado atacadista. Os frigoríficos exportadores têm pressa para retomar as negociações coma China, considerando as dificuldades em torno do remanejamento das escalas e manutenção dos estoques. “Os preços por enquanto estão estáveis, com perspectiva de alguma queda dos preços durante a segunda quinzena do mês”, disse o analista.

Com isso, o quarto dianteiro ainda foi precificado a R$ 16,30 o quilo. Ponta de agulha também permanece precificada a R$ 16,30, por quilo. Quarto traseiro ainda é precificado a R$ 21,50, por quilo.

18/03/2021 às 19h36

Boi gordo: oferta de animais não apresenta sinal de melhora no curto prazo

O mercado físico de boi gordo registrou preços mais altos na maioria das praças de produção e comercialização nesta quinta-feira, 18. Segundo o analista de –

Leia Mais
18/03/2021 às 15h31

Milho: importações da China atingem 1,78 mi de toneladas em fevereiro

Os dados da alfândega da China divulgados na quinta-feira apontaram que as importações de milho do país durante fevereiro atingiram 1,78 milhão de toneladas, com –

Leia Mais
18/03/2021 às 15h01

Produção de ovos no Brasil cresce 3% em 2020, diz IBGE

A produção de ovos de galinha foi de 4 bilhões de dúzias em 2020, apresentando um aumento de 3% em relação a 2019, de acordo –

Leia Mais
18/03/2021 às 14h31

IBGE: aquisição de couro tem queda de 7,4% em 2020

Em 2020, os curtumes investigados pela Pesquisa Trimestral do Couro – aqueles que curtem pelo menos 5 mil unidades inteiras de couro cru bovino por –

Leia Mais
18/03/2021 às 14h15

Aquisição de leite registra alta de 2,1% em 2020

Em 2020, os laticínios que atuam sob algum tipo de serviço de inspeção sanitária captaram 25,5 bilhões de litros de leite, aumento de 2,1% em –

Leia Mais
18/03/2021 às 12h31

Abate de suínos sobe 6,4% e atinge recorde em 2020

Foram abatidos 49,3 milhões de cabeças de suínos em 2020, um aumento de 6,4% (mais 3,0 milhões de cabeças) em relação ao ano de 2019, –

Leia Mais
18/03/2021 às 12h01

IBGE anuncia queda de 8,5% nos abates de bovinos

O abate de bovinos no país caiu 8,5% em 2020, depois de três anos de crescimento. Segundo dados divulgados nesta quinta-feira, 18, no Rio de –

Leia Mais
18/03/2021 às 11h01

Suínos: com novas medidas restritivas, liquidez diminui e preços caem

O movimento do mercado de suínos tipicamente possui uma enfraquecida da liquidez interna na segunda quinzena de março. Contudo, as novas medidas de isolamento da –

Leia Mais
18/03/2021 às 10h01

Preços recordes de boi magro e do milho desafiam confinador

Os primeiros meses de 2021 já se mostram desafiadores para os pecuaristas terminadores devido aos recordes nos preços do boi magro e dos grãos. De –

Leia Mais
18/03/2021 às 09h01

Carne bovina: com lockdown geral, movimentação no varejo segue paralisada

O dia se encerra com clima de incertezas para o mercado interno de carne bovina. Com a piora da pandemia, as medidas restritivas correm risco –

Leia Mais